novidades

+55  98  2109 5000


novidades

18/05/2018
brincando com portinari

No Maternal 2, nossas turminhas vivenciaram o projeto Brincando com Portinari durante algumas semanas. Ao longo do projeto, de forma interdisciplinar, conhecemos o artista Candido Portinari e suas obras, de forma dinâmica. Desenvolvemos a percepção visual por meio da leitura de obras de arte a partir de observação, narração e interpretação de imagens e objetos; despertamos a curiosidade e o gosto pelas artes visuais, bem como conhecemos materiais e suportes para produção de arte; reconhecemos a existência de formas e cores. Também aprendemos 

 a manusear pincéis, tintas e utilizar cores; e produzimos trabalhos artísticos, utilizando a linguagem do desenho, da pintura, da colagem e do movimento. 

 

Na culminância do projeto, recebemos as famílias para conferir as produções dos alunos. Veja alguns depoimentos. 

“Nós estamos muito satisfeitos com os projetos realizados pela Escola Crescimento. Conseguimos observar diariamente o crescimento do nosso filho e o projeto do Cândido Portinari estimulou a criação de novas brincadeiras e o desenvolvimento motor e social. A Mostra ficou linda, o Gabriel está muito feliz e nós queremos agradecer a escola pelo incentivo e pelos projetos muito interessantes.” Lívia Guanaré, Mãe do Gabriel do Maternal II.

 

 

“Fico muito feliz em poder prestigiar essa parceria entre a família e a escola, de poder ver os trabalhos que as crianças realizam, a maneira como eles se expressam, como elas se identificam com as releituras criadas por elas. O projeto ficou lindo e sempre agrega valores para nossas crianças”. Afirmou Renata Melo, mãe do Enzo Melo do Maternal II.

 

“É um projeto muito interessante, pois a gente observa o desenvolvimento dela em casa. Na atividade do palhacinho, ela saiu muito feliz da escola, passou uma semana falando disso em casa, pintou o pai e a mãe. A Mostra está linda, muito gratificante. Parabéns.” (Vanessa Fernandes, mãe da Laura Lima)

 

“O projeto é lindo e emocionante ver as nossas crianças, o que estão produzindo na escola, é bem legal como eles aprendem brincando, e a gente percebe porque em casa, tem a continuidade: eles levam o que produziram, conversam sobre o que fizeram. É tudo muito bonito.” (Djanice Lindoso, mãe do Vitor Emanuel)