novidades

+55  98  2109 5000


novidades

07/04/2016
aula de campo em alcântara

O rico acervo arquitetônico do município de Alcântara foi o alvo da aula de campo ministrada no domingo (03) aos alunos do 3º ano do Ensino Médio da Escola Crescimento Renascença. A aula complementa os procedimentos metodológidos dos estudos teóricos de embamento do conhecimento em Arte, referente ao hall de conteúdos previstos em matrizes de vestibulares tradicionais e ENEM. O conteúdo trabalhado em sala de aula envolveu características gerais, contextualização histórica, técnicas, artistas e obras referentes à Arte Barroca no Brasil .

 

“O lugar escolhido para a aula de campo foi Alcântara, visto que essa locação compõe um acervo colonial com características barrocas, contemplando assim o objeto de nossos estudos”, explicou a professora de Artes, Sheila Bogéa, responsável pela atividade.

 

Além da gerente pedagógica do segmento, Juliana Camarão, acompanharam os alunos outros professores do ensino médio, enriquecendo a aula e tornando-a interdisciplinar.

 

O professor Diogenes, de Geografia, abordou temas de Geomorfologia, bem como a localização geográfica de Alcântara. Também participou o professor Márcio Durans, de Literatura, que desenvolverá em suas aulas o estudo sobre as obras  do escritor Josué Montello, dentre elas, “Noite Sobre Alcântara”, assim como o escritor romântico que viverá na cidade, Sousândrade.

Em Alcântara, nossos alunos realizaram  um City Tour histórico em dois turnos, com parada para almoço e acompanhamento de guia durante toda a visita. Foram realizadas paradas na Praça Matriz do Pelourinho, Igreja Matriz de São Mathias, Museu Casa Histórica de Alcântara, ruínas no caminho para a Igreja do Carmo, Rua da Amargura, Pousada Bela Vista, Casa da Cultura Aeroespacial, Igreja de Nossa Senhora do Rosário dos Pretos e uma parada para conhecer os doces de espécies.

 

Ao longo da aula de campo, foi abordada a contextualização histórica que envolve o surgimento da cidade, modelo das construções, processo de colonização, informações sobre as pinturas e esculturas dentro das igrejas, manifestações culturais, como Festa do Divino Espírito Santo e Tambor de Crioula, além de curiosidades envolvendo pessoas importantes (barões, escritores), lendas, brigas políticas e artefatos arqueológicos.

 

Como conclusão da aula de campo, os alunos deverão realizar uma exposição fotográfica da ida a Alcântara e exposições de vídeos com as explicações obtidas.